1 Abertura Lisa Fotios Pexels.com  897x494 - Fotografia! Separamos 5 dicas para você fazer fotos incríveis

A gente sabe que você quer sair bem na foto. Nesse movimento todo das redes sociais, separamos algumas dicas do assunto para você ganhar destaque nas redes e garantir aquela fotografia incrível com a família e os amigos. Ah, e já adiantamos que você não precisa ter o último lançamento do mercado em termos de celular ou máquina, o importante é você aproveitar o máximo do seu equipamento para chegar no melhor resultado.

Os fotógrafos paulistas Douglas Atina e Pâmela Atina, da Arco e Flash fotografia acreditam que é possível com alguns cuidados simples conseguir fazer fotos incríveis. “Não é necessariamente preciso ter os melhores celulares ou a melhor câmera para conseguir fazer fotos que realmente impressionem pelo resultado final. Depende mais do conceito e das noções de fotografia, já que hoje até mesmo câmeras de baixo custo tem qualidade bastante razoável de imagem”, explicou Douglas. Eles foram indicados ao Golden Lens, que é considerado o Oscar da fotografia mundial.

Anote as dicas que vão fazer diferença nas suas fotografias:

1- Aposte nas fotografias espontâneas

Aposte nas fotografias espontâneas (Foto: Tom Wang / Shutterstock.com).
Espontaneidade é tudo ! (Foto: Tom Wang / Shutterstock.com).

“A fotografia espontânea carrega naturalidade e mostra exatamente o que a pessoa estava sentindo naquele momento. Então: pule, grite, faça piadas, não importa se você vai parecer idiota, sua missão é arrancar sorrisos”, diz Douglas.

2- Escolha o melhor horário do dia

O melhor horário da fotografia   Foto:Song about summer/ Shutterstock.com
Fique atento aos melhores horários para fotografar ( Foto:Song about summer/ Shutterstock.com).

“Já tentou tirar uma foto no sol do meio dia? O rosto vai ficar com sombras, as olheiras vão ser ressaltadas e todos os defeitos da pele vão gritar, nunca faça uma foto nesse horário. Os melhores horários para fotografia são durante a Golden Hour (ou Hora Dourada) é o momento de esplendor do sol e o horário mais bonito do dia para fotos incríveis, ele acontece de manhã (1 hora depois do nascer do sol) e a tarde (uma hora antes do pôr do sol). Sempre prefira começar a fotografar por volta das 06:00 da manhã ou 16:00 da tarde. Além disso, sempre tente deixar seu rosto virado para o sol, dessa forma você obtém uma iluminação natural perfeita, mas não se prenda a regras, as vezes fotografar contra o sol trás um resultado clean e incrível”, diz Pâmela.

3- Atenção ao look na hora da fotografia

Atenção as roupas da fotografia  Foto: Dean Drobot / Shutterstock.com).
A escolha de tons neutros para as roupas ajudam a destacar ainda mais a fotografia. ( Foto: Dean Drobot / Shutterstock.com).

“Fuja de estampas, as roupas não devem chamar mais atenção que você. Quanto mais neutras forem as cores, mais bonitas ficarão as fotografias, aposte no preto, branco, cinza, creme e tons terrosos, se você estiver com uma roupa colorida vai entrar em conflito com as cores do cenário e o resultado não ficará legal”, revela Douglas.

4- Lugares comuns podem render fotografias incríveis

Lugares diferentes para fazer fotografias  (Foto: Creative Family / Shutterstock.com)
Procure enxergar em um lugar simples, uma excelente oportunidade de foto (Foto: Creative Family / Shutterstock.com)

“Sabe aquele prédio abandonado da sua cidade ou aquele matagal que as pessoas até atravessam a calçada para não passar perto? Eles podem render fotografias muito mais incríveis que lugares paradisíacos. Treine seu olhar para ver além do óbvio e enxergar beleza em tudo. Você não precisa ir para um campo de flores para ter uma foto linda, você pode fazer exatamente a mesma foto naquela pequena plantação em uma praça da sua cidade”, conta Pâmela.  

5- Aprenda a fazer edição nas fotografias

Para editar fotografias (Foto: Tero Vesalainen / Shutterstock.com).
Pesquise sobre ferramentas de edição de imagens (Foto: Tero Vesalainen / Shutterstock.com).

“Já dizem os fotógrafos mais antigos: Um fotógrafo de verdade não edita fotos. Mas estamos na era da edição, o Tumblr e Instagram levaram as pessoas a se preocuparem mais com as cores de fotos, composição, enquadramento e isso é incrível, nunca vimos tantas fotos lindas feitas por pessoas comuns como vemos agora. A edição não pode ser o foco principal de uma fotografia mas é a cereja do bolo, com as cores certas você pode transformar o seu trabalho completamente. Mas lembre-se novamente: Menos é mais, fuja do exagero e principalmente dos temidos: Sépia e cor seletiva”, conta Douglas.

feng shui shutterstock 419753023 Monika Wisniewska 897x494 - Anote as dicas para usar o Feng shui na sua casa

Já parou para pensar que a maneira como organizamos a casa tem muito a dizer sobre o estilo e personalidade de quem reside nela? Pensando nisso, fomos em busca das técnicas do Feng shui que são pensadas e trabalhadas para energizar positivamente o seu lar. Os princípios do Feng shui são: harmonia, equilíbrio e tranquilidade.

Anote as dicas sobre o Feng shui da consultora Patrícia Stuginski da Maria Brasileira:

cozinha shutterstock 702772009 Tanhauzer 1024x640 - Anote as dicas para usar o Feng shui na sua casa
Um ambiente bem iluminado faz toda a diferença. (Foto: Tanhauzer/ Shutterstock.com)

Cozinha:

“Ela é o ícone da prosperidade, por isso, é fundamental que esteja sempre limpa e organizada”, diz Patrícia. Dicas:

• Mantenha a cozinha sempre bem iluminada;

• Separe o fogão, forno elétrico ou microondas com um mobiliário de madeira ou aço;

• Abuse de uma decoração colorida;

• Exponha alimentos como as frutas da estação.

Feng shui Foto: Photographee.eu/ / Shutterstock.com).
A organização contribui para um ambiente convidativo (Foto: Photographee.eu/ / Shutterstock.com).

Sala de estar:

É um ambiente para interagir com a família e renovar as energias. Sendo assim:  

• Posicione o sofá perto da parede para manter o campo de visão aberto;

• Tenha uma mesa de centro ou um lustre bonito;

• Opte por cores naturais para passar o sentimento de tranquilidade. “Você também pode mesclar as cores naturais com tons mais vivos para estimular a integração”, sugere Patrícia.

Feng shui  Foto:NavinTar/ Shutterstock.com
Plantas naturais valorizam ainda mais qualquer ambiente (Foto:NavinTar/ Shutterstock.com)

Banheiro:

É recomendado manter a porta sempre fechada devido à fuga de energia. Anote também:

• Utilize vasos com terras e plantas naturais para estabilizar as vibrações;

• Combine flores brancas com ervas para impactar positivamente o banheiro e trazer um ar de beleza e leveza;

• Escolha plantas que sejam fáceis de cuidar, tais como espada de São Jorge, lírio da paz e árvore-da-felicidade macho e fêmea.

Feng shui Photographee.eu/Shutterstock.com
Aposte no uso de itens de decoração logo na entrada da casa (Photographee.eu/Shutterstock.com)

Entrada principal:

“Ao contrário do que muitas pessoas pensam, não é interessante deixar o espelho à vista na porta de entrada principal, pois ele pode expulsar a sorte”, indica Patrícia. Outras dicas:

• Aposte em objetos decorativos que demonstrem que você gosta de receber pessoas do bem na sua casa;

• O ambiente precisa ser muito bem iluminado.

Feng shui Foto: Svet_Feo/ Shutterstock.com
Harmonia e organização ajudam no equilíbrio do espaço (Foto: Svet_Feo/ Shutterstock.com).

Quarto do casal:

Para que haja muita harmonia, evite bagunças ou objetos que não fazem parte do ambiente. Lembre-se ainda:

• Vire a cabeceira da cama para a posição norte;

• Não tenha prateleiras em cima da cama;

• É importante que a cama não esteja em uma parede com janelas.

Feng shui Photographee.eu/ Shutterstock.com
No quarto dos pequenos, prefira objetos alegres (Photographee.eu/ Shutterstock.com)

Quarto das crianças:

Precisa simbolizar vida e crescimento. Por isso, é importante decorá-lo com objetos alegres e nada que remeta à ideia de solidão. Dicas:

• Evite ter televisão ou computador, porque eles prejudicam o sono devido às ondas magnéticas;

• Tenha livros infantis expostos para induzir inteligência, sabedoria e progresso.



“Agora que você já sabe como aplicar Feng shui em todos os cômodos da casa, ficam como dicas gerais ter um mural de fotos da família e amigos para lembrar bons momentos, resolva problemas elétricos e mantenha a casa sempre limpa e organizada”, finaliza Patrícia.

unnamed 4ok e1573147277778 897x494 - Anexo de residência explora formas e contornos em projeto

Em São Paulo, uma família decidiu adquirir o terreno vizinho para ampliar seu jardim, construir espaços de lazer, convivência e abrigar parte da sua coleção de obras de arte. O anexo tem a assinatura do escritório Reinach Mendonça Arquitetos Associados. O projeto contemplou um pavilhão principal que abriga uma sala multiuso, com espaço para assistir filmes, reunir amigos, obras de arte e uma grande varanda. Destaque também para a piscina/raia que ocupa toda a lateral direita da propriedade, indo da frente aos fundos, rente ao muro de divisa. Este elemento exerce uma função também de espelho d’água, servindo de cenário refletindo os volumes ao seu redor.

 Projeto do escritório Reinach Mendonça Arquitetos Associados
Foto: Nelson Kon
O projeto contemplou um pavilhão principal que abriga uma sala multiuso. Foto: Nelson Kon.

Um segundo volume aberto, implantado no fundo, contempla uma área com caráter gastronômico.

 Projeto do escritório Reinach Mendonça Arquitetos Associados
Foto: Nelson Kon
A área gourmet não poderia ficar de fora do projeto. Foto: Nelson Kon.

Na primeira parte do projeto que abriga a varanda, destaque para a cobertura inclinada que expõe para a rua o seu belo teto verde. De uma beleza única esse teto!

 Projeto do escritório Reinach Mendonça Arquitetos Associados
Foto: Nelson Kon
O teto verde leva ainda mais charme ao anexo da residência. Foto: Nelson Kon.

Outro destaque fica por conta do espaço desenhado para acomodar a escultura de Maria Martins. Num ponto focal, a escultura teve sua implantação estudada para que fosse vista de diversos ângulos e uma iluminação que valorizasse ainda mais a cena ali criada.

 Projeto do escritório Reinach Mendonça Arquitetos Associados
Foto: Nelson Kon
O anexo ganha ainda mais vida com a iluminação utilizada. Foto: Nelson Kon.

O que norteia o projeto são as obras de arte. As esculturas, quadros e móbiles ajudaram os arquitetos a projetarem espaços que tem uma volumetria distinta, sem ângulos retos.

 Projeto do escritório Reinach Mendonça Arquitetos Associados
Foto: Nelson Kon
A arte foi o grande ponto de partida na elaboração do projeto. Foto: Nelson Kon.

O uso do concreto aparente foi a escolha para atender as expectativas de uma relação suave com o externo e com a residência existente. No piso externo, o mosaico português que foi desenhado pelo artista plástico Sérgio Fingermann.

 Projeto do escritório Reinach Mendonça Arquitetos Associados
Foto: Nelson Kon
Arte e natureza convivem em harmonia no espaço. Foto: Nelson Kon.

Casacor Pernambuco 2019

Rafaela Bittencourt é a arquiteta responsável pelo Loft Morhar, um espaço progressista que utiliza de um conceito contemporâneo de moradia dos lofts nova-iorquinos, e explora os 44m²  do ambiente misturando tecnologia e arte em uma estética industrial.

Entre os destaques do projeto estão os espaços integrados, o pé direito alto e as amplas aberturas que levam a sensação de urbanidade para o interior do ambiente. As paredes de concreto também agregam uma atmosfera extremamente contemporânea ao projeto, enquanto a tecnologia garante que o espaço funcione de forma totalmente automatizada.

A escolha do revestimento das paredes, em Aparente Cinza, da Castellato, foi fundamental para dar identidade à proposta. Já o piso da Roca, com réguas na tonalidade e textura da madeira, além da estética, tem a função de aquecer o ambiente, aumentando também a sensação de lar e aconchego.

Casacor Pernambuco 2019
Crédito das fotos: Paulo Higor – Crédito das fotos: Paulo Higor

Para o mobiliário, de autoria dos designers de Gustavo Bittencourt e Guilherme Torres, a predominância é de dois materiais: couro e ferro. Compõem, ainda, o ambiente: poltrona e puff Patroa, da Mula Preta; Luminária Pau de Luz, de Alfio Lisio; Luminária Granp, de Jader Almeida e luminária Construction, da Mooi. 

A própria arquiteta também criou parte do mobiliário, mais especificamente o guarda-roupa que fica disfarçado no painel atrás da cama. O móvel foi projetado para manter uma leitura única no espaço, e especialmente pensado para as pessoas que gostam de esconder aquela “baguncinha” da cozinha integrada, com portas no sistema Camarão sendo possível a abertura quase que total do móvel.

A estante de ferro é outro móvel executado com exclusividade para o Loft Morhar, e cria a sensação de “emoldurar” a enorme tela de projeção situada na sala, além de ser um apoio para a copa. Essa integração típica de ambientes com pequenos mostra que a otimização desses espaços é possível justamente com o desenvolvimento de um mobiliário inteligente e funcional.

Casacor Pernambuco 2019
Crédito das fotos: Paulo Higor – Crédito das fotos: Paulo Higor

A cultura nacional está representada pelas obras de Marcelo Silveira, Márcio Almeida e Marcelo Sofá, que ainda ganham destaque com a iluminação natural criada através de uma imponente Bay Window em Pvc e vidro. Vale ressaltar que a utilização da luz natural é ponto importante dentro da temática da sustentabilidade, uma vez que ajuda a diminuir o uso de outras fontes de iluminação.

A grande janela arremata de vez a atmosfera industrial, impondo também elegância e conforto. A escolha de tons sóbrios como o cinza e o preto predominam no ambiente como um todo, por isso a decoração também ganhou alguns pontos de luz para dar mais personalidade e sofisticação ao projeto.

Casacor Pernambuco 2019
Crédito das fotos: Paulo Higor – Crédito das fotos: Paulo Higor

O Loft Morhar se destaca, ainda, pela junção da tecnologia ao design num ambiente moderno e extremamente confortável. O espaço é o que podemos chamar de casa conectada, na qual todos os equipamentos conversam entre si através da automação, levando praticidade e segurança ao usuário.

O resultado tão aconchegante é um dos mais modernos e jovens da 22ª CASACOR Pernambuco, funcionando como fonte de inspiração para muitas pessoas que também moram em espaços pequenos e querem inovar na moradia.

Casacor Pernambuco 2019

Paulo Carvalho e Luiza Nogueira são os responsáveis pelo projeto Refúgio Arbor, que propõe o contato com a natureza e traz inovações tecnológicas com soluções sustentáveis para uma experiência viva, interativa e sensorial.

O ambiente – que leva o nome da marca de cortinas e persianas Arbor – aposta na cultura da inovação, buscando a transformação a partir do interior de cada indivíduo. Com sustentabilidade e tecnologia aliadas, o espaço usa madeira de reflorestamento, telhas de fibras vegetais e as cortinas produzidas com matérias-primas recicláveis a fim de criar um lugar de refúgio e contemplação.

Os arquitetos dão um novo uso à antiga piscina do Casarão 17 de Agosto, indo além da superfície e transformando-a em um espaço de reflexão. A ideia é proporcionar um mergulho diferente: no lugar de água, o ambiente leva a uma imersão no conhecimento.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito de fotos: Paulo Duca

Um labirinto feito de cortinas translúcidas indica a trilha do Refúgio, que começa descendo as escadas. Com apenas silhuetas à mostra, a ideia é despertar a curiosidade da descoberta e provocar o descortinar pelo visitante.

A estrutura é feita de LVL, da Ekomposit, uma madeira de reflorestamento também conhecida como madeira laminada, que substitui o aço. A cobertura do espaço ficou por conta das telhas ecológicas da Onduline, que são produzidas com fibras vegetais, e o forro do teto é da Arauco, que utilizou Western, um padrão de madeira rústica em tábuas do tipo siding, com textura de madeira jateada, característico das construções do oeste norte-americano.

No entorno do ambiente também estão presentes os vidros refletivos da Vivix, com proteção solar, que proporcionam uma boa sensação térmica e, consequentemente, reduzem a necessidade do uso do ar-condicionado.

Dentro do ambiente predominam tons neutros, com cores que remetem à natureza, como verde presente no piso vinílico da Refinare, o cinza e os detalhes em azul. O aspecto natural fica ainda mais evidente com os espaços de vegetação que remetem ao mangue, feitos pela artista plástica Naiade Lins, além do paisagismo, realizado pela Villa Garden.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito de fotos: Paulo Duca

O ambiente conta ainda com uma sonorização, que ficou a cargo de Zéfiro, a partir de uma playlist feita exclusivamente para o Refúgio Arbor e que oferece uma verdadeira imersão no espaço, numa experiência sensorial com som, imagem e aromatização. Já o projeto de luz ficou por conta da Light Design e ressalta a estrutura de madeira, proporcionando uma sensação de aconchego ao local.

Os móveis, pensados especialmente para o espaço, foram feitos com madeiras de reflorestamento pela Bunker Design, além dos balanços em fibra, da Ovoo.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito de fotos: Paulo Duca

Entre as experiências que o visitante pode vivenciar no Refúgio Arbor, as oficinas de robótica em parceria com o Instituto MEmaker — projeto socioeducativo voltado para inovação com o objetivo de despertar o interesse na tecnologia e na arte, e que realiza um trabalho social com jovens de comunidades carentes, com idades entre 13 e 17 anos.

O jovens do MEmaker foram os responsáveis por desenvolver um chatbot Tina, que responderá às perguntas mais frequentes realizadas à empresa, além de um guia de ligação no ambiente.

Saiba mais em Casacor Pernambuco 2019

Casacor Pernambuco 2019

A arquiteta Ana Cristina Cunha é a criadora do Living Coral, um ambiente pensado para reunir família e amigos. O espaço também lança a Cor Coral 2020, por isso mesmo o ambiente faz a cor abraçar o visitante.

A preocupação com o design e o mobiliário são um convite para desacelerar em meio à rotina do dia a dia, e procura mostrar que é possível usar a cor vibrante como uma opção acessível para criar um ambiente sofisticado.

Nos 120m² do espaço, a arquiteta traz toda a sua experiência e criatividade como veterana em sua quinta participação na CASACOR PERNAMBUCO 2019. Ana opta por uma composição que mescla nas paredes os tons cinza, verde e terra, além da mistura de texturas também nas paredes, chão, móveis e decoração.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Créditos das fotos: Denilson Machado

Na área externa, o mobiliário tem uma pegada primitiva com materiais in natura modelados com o toque humano. As pedras dos móveis, da bancada e do tampo de mesa também estão sendo utilizadas com as suas próprias irregularidades, a fim de manter o ar rústico e natural das peças.

De acordo com Ana Cristina: “A proposta é fazer com que o ambiente seja um local agradável, em que as pessoas relaxem a ponto de se desconectar do mundo”, explica. Na área interna, a profissional projetou um living completo, com destaque para as paredes: “Criei painéis em sobreposição nas paredes para que o visitante possa perceber como a tinta pode ser trabalhada com elegância”, detalha a arquiteta.

Ana Cristina fez a curadoria do mobiliário, dos objetos e das obras de arte em função da paleta de cores das paredes. As peças escolhidas são em vidro e na cor branca. Já as telas exaltam a arte de artistas brasileiros – Manoel Veiga, Bruno Vilela e Jorge Souza – que ganham molduras pretas que acabam destacando ainda mais as obras.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Créditos das fotos: Denilson Machado

A arquiteta explica que os objetos são parte fundamental do Living Coral: “Os objetos dão personalidade ao ambiente. Eles precisam ter diálogo com o espaço, proporções, desenho e materiais que tragam harmonia”, explica a arquiteta.

Também seguindo o tema central proposto pela 22ª edição da CASACOR PE, a obra do Living Coral preza pela sustentabilidade. A arquiteta desenvolveu ao máximo uma construção seca, com o mínimo de resíduos.

Na área externa, a estrutura metálica minimiza as sujeiras de uma construção: “Todas as paredes são de drywall, que também é uma construção limpa”, conta Ana Cristina. Feita de vidro, a cobertura permite uma grande entrada de luz natural, além do contato com a paisagem externa.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Créditos das fotos: Denilson Machado

É importante ressaltar que todo o material do Living Coral vai ser realocado depois. Assim como as pedras que estão sendo usadas ao natural, todos os objetos não sofreram alterações: “Optamos por não cortá-los para que possam retornar ao distribuidor da mesma forma que saíram das pedreiras, assim poderão ser vendidos ao consumidor final sem modificações ou prejuízos”, explica a profissional.

O Living Coral conta ainda com parceiro especiais, entre eles: Tintas Coral; Finni; Daluz; Itálica; Morhar; Villa Garden; Marmorart; Cosentino; Cerâmica Elizabeth; Deca; Eletromec; LG e Vivix Vidros.

Casacor Pernambuco 2019

Elisa Coelho é a arquitetura responsável pelo espaço Joalheria ME, que aposta na elegância e na sofisticação para um ambiente que, justamente, trata de um tema tão luxuoso: as joias.

Com uma fachada que brinca com pesos e preenchimentos através de elementos verticais que percorrem as paredes, o projeto abriga a loja ME, de Duda Queiroz, com peças de autoria da artista em exposição.

Todo o revestimento do ambiente remete às pedras preciosas, e procura passar a ideia de atemporalidade que as joias apresentam. Para isso, a escolha e uma paleta de cores com tonalidades branca e preta, dentro de uma estética minimalista, faz todo o sentido e atinge o resultado desejado.

A arquiteta, que participa pela primeira vez da CASACOR Pernambuco, optou por empregar um estilo autoral, contemporâneo e monocromático ao trabalho. A fachada, toda em vidro da Vivix, é um dos grandes destaques do projeto, especialmente por lembrar uma caixa de joias.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito das fotos: Rogério Maranhão

O jogo de espaços cheios e vazios criado com elementos verticais e revestimento com textura em pedras semipreciosas agrega charme e muita sofisticação ao visual final. Como destaca Elisa: “O intuito do projeto foi promover um mistério, gerado pela caixa e, ao adentrar na loja, ser surpreendido pelo ambiente em seus detalhes, e com as joias, é claro”, explica a arquiteta.

Dentro da loja aparecem as tonalidades de branco, preto e o cinza, com toques de aconchego conferidos pela madeira e por materiais texturizados, como o couro e veludo. A ideia é ressaltar a elegância e a sofisticação que esse ambiente transmite atrelado à afetividade que está presente nas peças da marca ME, e que também é uma característica típica das joias – não à toa, muitas famílias têm a tradição de repassar joias como forma de manter a memória da mesma.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito das fotos: Rogério Maranhão

No mobiliário, as peças da Mula Preta, assim como as poltronas do renomado designer brasileiro Sérgio Rodrigues, ressaltam a proposta de surpreender os visitantes com detalhes icônicos dentro da joalheria. O mobiliário conta, ainda, com uma mesa de atendimento aos clientes desenhada pela própria arquiteta,e  toda feita com uma composição de madeira e vidro. O móvel ganha os pendentes Elo, assinados por Léo Shehtman, que funcionam como o hot spot desse canto.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito das fotos: Rogério Maranhão

Fazem parte também da criação do ambiente: DaLuz Iluminação, Italica Casa, LG PE, Ovoo Recife, Sipacor, Finestra, Finni, Tintas Coral, Finger Casa Forte, Desenho Design, Refinare, BiancoGres Cerâmica e Morhar Automação.

O piso, com o revestimento marmorizado, juntamente com os varões dispostos verticalmente em dourado fosco fazem alusão ao processo da extração de ouro e das pedras preciosas, desde o garimpo até o trabalho do ourives, transformando as matérias-primas em peças raras e de grande valor.

Como a ideia do ambiente é realmente dar total destaque às joias, outras peças decorativas acabam sendo obsoletas no projeto, afinal, o espaço precisa entregar todo o foco para a exposição das peças de Duda Queiroz, o que é realizado com maestria pela arquiteta. Não faltará vontade aos visitantes de saber mais sobre o trabalho das duas profissionais.

Casacor Pernambuco 2019

A proposta das arquitetas Daniela Pessoa e Fabíola Occenstein é reinventar um espaço que raramente ganha projetos especiais de design, a garagem. Como explica Daniela: “Criamos um universo especial para mentes criativas sentirem, viverem, dividirem experiências e ideais de sustentabilidade. Cada consumo é necessariamente sustentável e consciente, saber sua procedência é primordial, assim como valorizar nossa cultura, país e nossas raízes”, define a arquiteta.

O espaço Garagem Gourmet Lexus também leva a sério o tema da 22ª CASACOR Pernambuco 2019, “Planeta Casa”, e procura criar uma expressão significativa de arte e design para o ambiente, ao mesmo tempo em que integra elementos da natureza em harmonia com a tecnologia e a inovação.

O charme da garagem gourmet está no ambiente equilibrado, sem excessos, de modo que os visitantes se sente à vontade e, especialmente, com vontade de ficar mais tempo no espaço, que exprime conforto e sensibilidade em cada detalhe de sua singularidade.

A intenção das arquitetas em fazer da garagem “o melhor lugar da casa para passar um tempo” é realmente ousada e criativa. A utilização de elementos da natureza também tem a finalidade de estimular os sentidos dos visitantes, seja com o contato, o olfato, a visão ou os  sons – tudo isso muito bem representado especialmente pela cascata em forma de cortina, caindo no fundo do cantinho Home Office.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito de fotos:Denilson Machado

“Procuramos trabalhar as diferenças com harmonia. Aqui não repetimos, buscamos o ritmo das misturas, das formas, do design e da arte. O equilíbrio vem dessa harmonia”, explica a arquiteta Daniela Pessoa sobre o espaço que desenvolveu junto a Fabíola Occenstein.

O ambiente conta ainda com peça especiais de vários designers brasileiros. São eles:

  • Banco Magrini, de Sérgio Rodrigues;
  • Banco Bo, de Zanine;
  • Mesa de jantar Viga, de Mula Preta;
  • Poltrona Mad, cadeira Windsor, lustre Nutt, cadeira Clad, mesa Cigg, todos de Jader Almeida;
  • Banco Benjamin, de Gustavo Bittencourt;
  • Cadeira Nena, de Sérgio Rodrigues.

Para as arquitetas, o consumo consciente é adquirir produtos eticamente corretos, de relevância funcional e propriedades sustentáveis, além da valorização de produtos nacionais. Dentro da Garagem Gourmet Extra, um exemplo desse consumo consciente é a Mesa Água, do Tórtora, artesão que já trabalhava com matéria-prima reciclada quando ainda nem se ouvia falar em sustentabilidade. Seu trabalho, totalmente feito à mão, transforma papel Kraft em qualquer objeto. O processo é surpreendente e belíssimo!

Os vários formatos de iluminação favorecem especialmente os objetivos do ambiente, e por isso mesmo é um dos principais elementos do projeto: “Pensamos em todas as possibilidades de fonte de luz que o ambiente pode ter – spots, luminárias pendentes, de parede e de chão – tudo o que pode ajudar a criar uma certa sensação de movimento na iluminação. Além da iluminação natural que explode na caixa de vidro que projetamos para a garagem”, explica Daniela.

A parede inteira de vegetação é vista por toda a extensão do lounge e da garagem, criando uma interação com o ambiente interno e minimizando o aspecto pesado do paredão que existe.

O resultado da Garagem Gourmet Lexus é um dos mai surpreendentes da 22ª CASACOR PE 2019.

Casacor Pernambuco 2019

O arquiteto Ademar Leão assina o Loft Raízes, cuja ideia é oferecer um ambiente integrado dentro de um espaço moderno. Para isso, o arquiteto utilizou dois containers, item que já garante o status de contemporâneo ao projeto, além de fazer uso do estilo regional para acrescentar uma identidade única ao trabalho.

Dentro do loft de 30m², Ademar aposta em particularidades do Sertão Pernambucano, mais precisamente de Ouricuri, que é a sua cidade natal e de onde o arquiteto trouxe o Gibão colorido criado pelo mestre Aprígio, artigo que está emoldurado na parede e é um dos grandes destaques visuais do espaço.

É do sertão também a inspiração para a ideia do painel feito de “varas de faxina”, como é tipicamente chamada essa arte na região. A obra foi construída pelo pai do arquiteto, e por isso mesmo carrega uma carga afetiva especial. Essa conexão também influencia o nome do próprio espaço, uma vez que “Raízes” pode ser um termo relacionado às raízes familiares do criador do projeto.

Mesmo sendo compacto, o espaço total do Loft Raízes conta com uma sala de estar, sala de jantar, cozinha, quarto e banheiro, formando um lar completo e funcional! Para o quarto, especificamente, Ademar desenhou o guarda-roupa e a cama, enquanto o restante do mobiliário foi desenvolvido por alguns designers nacionais, como o banco Mocho, de Sérgio Rodrigues; a cadeira de Gustavo Bittencourt; a luminária de Jader Almeida. Os demais móveis são todos da Ovoo.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito das fotos: Denilson Machado e Ademar Leão

Para as paredes e o revestimento, o arquiteto optou por utilizar o cimento queimado, material que imprime ao ambiente uma modernidade já vista em outros espaços que exploram essa pegada contemporânea e mais urbana, mas também garante a atmosfera rústica pretendida no trabalho. Já para o teto, o revestimento escolhido foi a madeira, a fim de inserir mais aconchego e a conexão com a natureza.

A natureza também está presente de forma singular com a presença irreverente de cactos na decoração, trazendo um vínculo perfeito com o tema central da 22ª CASACOR PE – “Planeta Casa” – e a temática particular do desenvolvimento do projeto, que é o sertão.

Assim como outros ambientes da CASACOR Pernambuco 2019, o Loft Raízes também vem em uma paleta de cores em tonalidades de cinza e preto. Neste caso, porém, o profissional optou por colocar as cores mais quentes concentradas no Gibão colorido que está emoldurado na parede, criando um ponto de referência primordial.

Para iluminar o ambiente, Ademar Leão fez uso de uma iluminação cênica, apostando em jogos pontuais de luzes para focar e destacar justamente o painel de varas e o Gibão. Já na cozinha, a prateleira iluminada tem a função de ressaltar a louça, que é do acervo pessoal do arquiteto.

Além das peças pessoais, há ainda objetos cedidos pela loja Desenho Designer. Por fim, a área de trabalho do loft também ganha destaque com uma iluminação especial, toda feita em Led, assim como as demais.

O estilo minimalista do projeto também faz ligação com a ideia central de exaltação do sertão pernambucano.

Casacor Pernambuco 2019

As arquitetas Denise Glaser e Cândida Glasner, da C&D Arquitetura, elaboraram um espaço cujo conceito reporta-se à “criação de um vínculo entre a essência do que vem de dentro para fora, seja nos valores pessoais, seja na valorização e no zelo pela natureza. Com base neste princípio, inspiramo-nos no craque Hernanes (“O Profeta”), e na utilização de materiais na sua forma mais pura”, explicam.

O ambiente, que, literalmente, leva o nome de Sala do Profeta, traz em 41m² uma paleta inspirada em tons terrosos, além de detalhes que fazem diferença no contexto geral, como os revestimentos de madeira maciça da Torah, as pedras naturais Ritallio da Refinare e o couro verde do sofá Salvatore (Ovoo). Tudo pensado para remeter à natureza, à terra, e à força, seguindo, também, o tema base da 22ª edição da CASACOR PERNAMBUCO: “Planeta Casa”.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito das fotos: Denílson Machado

Como a sala é inspirada no jogador de futebol Hernanes, o vinho é um elemento de destaque no espaço, uma vez que o atleta é um grande apreciador da bebida. Hernanes, inclusive, possui uma vinícola própria em Asti, na região de Piemont, onde produz o Vinho Ca’Del Profeta.

O ambiente traz expositores de vinho que abrigam as garrafas. Os expositores também são desenhos autorais das arquitetas e foram desenvolvidos a partir de uma peça da artista plástica Náiade, como fonte de inspiração.

O ambiente também presta homenagem ao jogador em outros detalhes da decoração, especialmente com os quadros de fotografias que fazem referência a diferentes momentos da carreira de Hernanes.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito das fotos: Denílson Machado

As peças decorativas também fazem alusão à paixão por vinho, principalmente a mesa e bancos que imitam rolhas de garrafas. Já a estante, que é um dos destaques no ambiente, é um móvel extremamente funcional, justamente por abrigar itens que são parte do contexto vinho e bebidas, com uma adega embutida.

A composição do mobiliário com os objetos decorativos deixa o ambiente harmonioso e, ao mesmo tempo, concede um ar clássico, muito pela escolha dos tons e dos próprios itens, como as peças de xadrez “gigantes” espalhadas por diferentes cantos do ambiente.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito das fotos: Denílson Machado

Compõem, ainda, o todo da Sala do Profeta: poltrona Open; mesa lateral Trio e mesa Disco da Doimo, assinados pelo designer Marcelo Ligiere, também da Ovoo.

Há, também, tapetes vintage Adroaldo; persianas em bambu natural; Hunter Douglas da Bianco Home; banco Odhara-M Brasil – Louis Kazan; cadeira tela, de Guilherme Wentz; mesa ballon, da Estúdio Bola e Rizzon da Caa Pronta, banhados por uma iluminação fluida, com desenho autoral das arquitetas Cândida e Denise.

Assim, a Sala do Profeta entrega um ar intimista e aconchegante, sensações conferidas especialmente pelas expressões e reações do público, que demonstra bem-estar, descontração e relaxamento, objetivos alcançados pelas arquitetas do projeto.

Além da elegância do ambiente, a Sala do Profeta passa a ideia de um espaço para desfrutar momentos de relaxamento, contribuindo para uma fuga do estresse do dia a dia.

Vale ressaltar, também, que a disposição do mobiliário contribui para a utilização da sala para atividades além da apreciação do vinho, como instantes para a leitura e, especialmente, encontros e bate-papos com os amigos.