Integração e funcionalidade no Espaço do Sentir Arauco

Casacor Pernambuco 2019

O trio de arquitetas Bruna Lobo, Dani Paes Barreto e Soraya Carneiro Leão, do escritório ArqMULTI, é o responsável pela criação e desenvolvimento de Espaço de Sentir Arauco, espaço que busca equilibrar materiais rústicos e cores delicadas, apostando na contraposição para dar o tom do mobiliário, que conta com peças contemporâneas e texturas naturais.

A ideia do Espaço de Sentir Arauco é ser um ambiente acolhedor e com cara de casa, mesmo sendo um ambiente de trabalho, além de ser muito funcional e integrado à natureza, seguindo a temática “Planeta Casa” especial da CASACOR Pernambuco 2019.

Casacor Pernambuco 2019
Crédito das fotos: Paulo Higor – Crédito das fotos: Paulo Higor

A funcionalidade é, de fato, uma das principais premissas para a composição do ambiente, que brinca com os sentidos sem perder a natureza do bem-estar. Com 15 anos de história, o escritório arqMULTI opta por, nesta edição da mostra, explorar a interação entre os espaços de trabalho, que vão além da atmosfera tradicional.

No espaço predominam tons pastéis, com uma proposta clean e a valorização de elementos naturais e integrados para compor um lugar de trabalho acolhedor. A intenção é mostrar um novo jeito de viver e trabalhar através de locais mais confortáveis, amplos, claros e que valoriza o contato com a natureza.

Casacor Pernambuco 2019
Crédito das fotos: Paulo Higor – Crédito das fotos: Paulo Higor

Para Bruna Lobo, o resultado do projeto é um ambiente de trabalho contemporâneo e inovador, “que proporciona funcionalidade, conforto e bem-estar, tanto para o cliente que visitará quanto para quem irá trabalhar no local”, conta.

Como dito, o uso dos tons pastéis gera um clima tranquilo, propício à busca de novas ideias. Já a parede em pedra e o jardim trazem leveza para o espaço por meio da interação com a natureza: “O local destinado às reuniões tem uma mesa que pode ser usada para jantar ou um almoço de negócios e, com a mini copa, é possível proporcionar refeições agradáveis”, pontua Danielle Paes Barreto.

A iluminação também é direcionada para cada uso específico. Um detalhe de destaque é o Muxarabi, uma das heranças do casarão período colonial e que funciona como uma divisória para atribuir privacidade ao local. Feito em madeira com recortes a laser, foi utilizado para dividir o espaço e preservar a iluminação natural.

Casacor Pernambuco 2019
Crédito das fotos: Paulo Higor – Crédito das fotos: Paulo Higor

As texturas também estão presentes no local assinado pelas arquitetas. A textura madeirada do padrão Autentic Trend está presente no painel principal e no teto do espaço, reforçando a ideia de que os materiais autênticos continuam em alta, garantindo ambientes virtuosos e cheios de vivacidade por meio das imperfeições naturais da madeira.

A divisória do ambiente também conta com um padrão inspirado na madeira, Tinto. O elemento apresenta um carvalho escuro com tons avermelhados e contrastes discretos, o que transmite aconchego e exclusividade, proporcionando conforto ao local.

No mobiliário, o destaque é o padrão Sal Rosa, com a sua discreta tonalidade que permite uma decoração universal para todos os estilos e ambientes, sendo versátil e atemporal. “Esse espaço pode estar em uma residência, num imóvel comercial, ou ainda como parte de uma empresa. Pode ser utilizado para reuniões interativas com tecnologia e atividades como leitura, estudo e descanso”, completa Soraya.

Join the discussion

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *