Casacor Pernambuco 2019

O Café Santa Clara é um projeto assinado pela arquiteta Sandra Bione, que utilizou um conceito simples para a criação e desenvolvimento do espaço: “Proporcionar um ambiente acolhedor e muito aconchegante para o usuário”, explica a profissional.

O espaço tem apenas 40m², e traz uma característica peculiar, que é a sua forma irregular. Ainda assim, Sandra destaca que foi possível trabalhar o espaço para fornecer com 40 lugares aos visitantes da 22ª CASACOR Pernambuco.

Nesta edição, a operação do ficou por conta da Santa Clara: “Tivemos a preocupação de oferecer tudo o que uma cafeteria necessita para funcionar perfeitamente, incluindo equipamentos de alta tecnologia”, explica a arquiteta.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito das fotos: Rogério Maranhão

O mobiliário é um clássico e o padrão escolhido foi o Pau Ferro da Arauco e o Sal Rosa, cores que trouxeram muita elegância ao ambiente como um todo. Sandra também trabalhou em parceria com algumas artesãs de Pernambuco, como Cida Lima e Fida. As peças trazem a valorização da arte local e ainda fazem uma ponte com a temática central desta edição da CASACOR PE, que é “Planeta Casa”.

Além das cores da madeira padrão Pau Ferro e Sal Rosa, o verde também é uma cor predominante na paleta do espaço, aparecendo no painel de plantas estabilizadas, que nunca envelhecem.

Toda a marcenaria foi desenvolvida especialmente para o Café Santa Clara, de acordo com a necessidade de operação da própria empresa. Isso ajuda a garantir que a cafeteria funciona como em qualquer outro lugar, atendendo ao público com qualidade.

A iluminação foi pensada para seguir a estética simplista e funcional proposta pelo projeto, que tem como via principal, a simplicidade acrescentada de uma leitura sofisticada. “Com isso, na iluminação também usamos essa pegar. O ambiente todo é iluminado por apenas lâmpadas de led de diversos tamanhos e formatos. Usamos um padrão de instalação, que parece aleatório, para causar o efeito de movimento”, explica a arquiteta.

Sandra também destaca que optou por utilizar materiais bem nobres, como o maravilhoso vidro das esquadrias que tem uma especial proteção contra raios solares.

O paisagismo também é um show a parte: “Conseguimos com a Fertisolo um produto certo para atender nosso projeto, que são as plantas estabilizadas, que sempre se mantém verdes, sem precisar de uma mínima manutenção”, conta Sandra.

O forro de PVC, com textura e cor de madeira é um produto sustentável de alta durabilidade, leve e de fácil aplicação, seguindo a ideia da mostra neste ano, que é propor um debate sobre como é possível criar espaços contemporâneos e criativos, e ainda assim manter a sustentabilidade e a preservação da natureza.

O resultado final é realmente muito belo e convidativo aos visitantes, como uma boa cafeteira. “Consegui mostrar ao público exatamente o que eu queria, um espaço confortável e acolhedor, onde cada visitante terá uma experiência única”, comemora Sandra, que ainda completa: “Acredito que a escolha da madeira mais próxima do natural com veios aparentes e bem marcadas é uma tendência forte e que pode ser usada nos mais variados ambientes”, finaliza a arquiteta.

Casacor Pernambuco 2019

É das arquitetas Aline Fernandes e Bárbara Morato todo o conceito desenvolvido no projeto Livraria CEPE, que teve como inspiração a figura do oleiro. A dupla ressalta que, no sentido espiritual, “o oleiro representa a criação e origem do homem a partir do barro, material usado de forma criativa como protagonista do espaço”.

Sua beleza e rusticidade reforçam o regionalismo, enaltecendo a cultura pernambucana. O espaço da moderna livraria foi projetado em um container de 37m² para receber parte do acervo da Companhia Editora de Pernambuco.

A Livraria CEPE conta, ainda, com uma acolhedora área externa, onde os visitantes podem apreciar uma boa leitura, é claro! Utilizando da tendência de pequenos formatos, o ambiente se torna agradável e estimulante ao mesmo tempo, enquanto os materiais dispostos pelo espaço parecem ter sido consequência do projeto e do conceito harmonioso e bem elaborado.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito fotos: Talita Arruda

A lista de materiais utilizados na ambientação, assim como de designers parceiros também mostra que as arquitetas trabalharam em conjunto com muitos outros profissionais, o que agrega ainda mais a ideia de valorização do trabalho e arte nacionais.

Entre os parceiros estão:

  • Estante – Finger Casa Forte – acabamento corten;
  • Poltrona, mesa lateral, cadeira escrivaninha e luminária acima da bancada – Jader Almeida para Itálica Casa;
  • Escrivaninha – Casa Holanda (acervo de família)
  • Banco de madeira e couro, e banco de madeira da área externa – Marcenaria Olinda
  • Quadro – Romero Andrade Lima
  • Luminária de piso – Studio Ita
  • Iluminação – Light Design
  • Tapete – Adroaldo Tapetes
  • Piso – Biancogres por Refinare
  • Lajotas da parede e fachada – Obi
  • Vidros – Vivix
  • Almofadas – Finestra Cortinas
  • Cadeiras – Casa Pronta
  • Totens – Desenho das arquitetas
  • Paisagismo – Cactus Flores Casa Forte
Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito fotos: Talita Arruda

Na paleta de cores predominam os tons terrosos, revestimentos rústicos e o preto. As cores foram exatamente pensadas com inspiração no oleiro, a pessoa que beneficia o barro e o transforma em arte. O barro, no caso, representa a origem pernambucana das arquitetas.

A cor preta também tem a intenção de trazer mais modernidade ao projeto.

A iluminação foi muito planejada, e é um ponto de destaque no projeto. O quesito foi pensado para valorizar os livros, por isso foram utilizados perfis lineares em todas as prateleiras, deixando os livros em evidência. “No forro, temos apenas três pontos de luz. Dois deles funcionam como iluminação geral, e um deles como ponto focal, iluminando o quadro. Já na fachada, usamos luminárias que iluminam os cobogós de lajota desenhado por nós”, explicam as profissionais.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito fotos: Talita Arruda

O grande destaque da Livraria CEPE é mesmo a valorização da cultura regional, visitável em todos os campos do projeto, desde a arquitetura, ao acervo da editora, curadoria de obras de arte e o paisagismo.

E o resultado não poderia ser mais agradável aos olhos e convidativo aos visitantes que passam pela CASACOR Pernambuco 2019. “Ficamos muito satisfeitas com o resultado do nosso projeto e, principalmente, com a repercussão tão positiva dentro da mostra. Acreditamos que através da nossa livraria pudemos mostrar a nossa identidade e despertar boas sensações e memórias afetivas a todos que visitam o espaço”, comemoram as arquitetas Aline e Bárbara.

Casacor Pernambuco 2019

A dupla de arquitetas Elza Mendonça e Lorena Pontual assina a Casa Conectada LG, ambiente da 22ª edição da CASACOR Pernambuco 2019 que se apoia nos pilares da tecnologia crescente entre a humanidade, da globalização da informação e da conectividade das atividades cotidianas para representar aspectos do mundo contemporâneo. Conexão é, sem dúvidas, o conceito que funcionou como base para todo o trabalho.

As profissionais explicam que estes novos conceitos acabaram sendo inseridos na vida cotidiana de forma abrupta, muitas vezes não tendo sua potencial funcionalidade explorada nas diversas formas de concretização da arquitetura nos espaços: “Partindo deste preceito, para a Casa Conectada LG, na CASACOR Pernambuco 2019, buscamos juntar todos os sentidos do ser conectado, justamente para unir a ambiguidade do ser ancestral analógico em um mundo tecnológico”, explicam as arquitetas.

Primeiramente, o objetivo foi explorar a conexão com o real. Para isso, a dupla trouxe o sentido essencial da arquitetura e de sua identidade intrínseca para dentro desse novo estilo de vida contemporâneo globalizado, fazendo isso através do uso de pedras e madeiras naturais, plantas nativas, palhas e fibras como materiais base do projeto e que remetem à regionalidade.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito das fotos: Mariana Galindo

Elza e Lorena explicam que lançaram “um olhar à sofisticação sutil das texturas do tecido de linho para compor um equilíbrio idiossincrático de conforto, utilizando também outros elementos que conectam o estilo de vida às atividades cotidianas do ser humano”.

Para arrematar um projeto tão moderno e inovador, as profissionais trouxeram o conceito de conexão virtual, com a tecnologia cotidiana proporcionado pelos produtos LG, que foram utilizados em todo o espaço, assertivamente mesclando sofisticação e a alta performance destes elementos tecnológicos à realidade do viver contemporâneo das grandes cidades. A ideia é mostrar que, assim, é possível usufruir de mais tempo com quem você ama, e também para realizar atividades que agradam os visitantes e tragam conforto e a liberdade para uma vida com mais qualidade.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito das fotos: Mariana Galindo

Sobre a parceria com a LG, o projeto buscou unir a tecnologia à proposta da CASACOR 2019 de “Planeta Casa”. A Casa Conectada, elaborada pelo PMZ Arquitetura, possui soluções que aliam os pilares de sustentabilidade e conectividade – proposta central da temática da mostra neste ano.

A ideia do projeto é realmente mostrar que a tecnologia e a modernidade são aliadas do mundo atual, e podem ser também utilizadas para preservar a natureza, e não exatamente para acabar com ela.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito das fotos: Mariana Galindo

A Casa Conectada LG conta, em seus 80 m², com produtos da linha premium completa para cozinha (Studio), refrigerador InstaView, condicionadores de ar das linhas residencial e comercial, lava e seca TWINWash, smartphone K12+, além da TV NanoCell.

É interessante ver que os visitantes poderão controlar todos os eletrodomésticos por meio do aplicativo Smart ThinQ™, que pode ser instalado no smartphone de qualquer pessoa. O mesmo controle pode, ainda ser feito pela TV, com o painel de controle, podendo desligar, ligar e dar diferentes comandos com apenas um toque no controle Smart Magic, oferecendo, de fato, a sensação de “casa inteligente”, e que é possível controlar o espaço.

Casacor Pernambuco 2019

Bruna Melquíades é a arquiteta responsável pelo Projeto Luminotécnico Jardim, espaço diferenciado e muito natural que está presente na 22ª edição da CASACOR Pernambuco. Além da conexão clara com a natureza, ela busca valorizar as obras do artista Derlon dentro do ambiente.

O projeto tem como pontos de partidas a entrada principal, onde foi utilizada uma combinação com uma iluminação mais integral, alinhada a uma mais pontual. Enquanto a primeira promove uma ambiência mais confortável para o público passante, a pontual valoriza ainda mais a obra do artista – objetivo do projeto.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito das fotos: Paulo Higor

O outro ponto-chave para o trabalho é a praça central, onde a arquiteta planejou uma iluminação criando uma aconchegante área de circulação e convívio, pensada para valorizar o paisagismo e o espelho d’água também presentes no espaço.

Na extensão de toda área externa foram utilizadas luminárias que valorizam as copas das árvores que fazem parte da história do Casarão 17 de Agosto, o que também chama a atenção para a natureza e resgata a temática da mostra neste ano: “Planeta Casa”. Além disso, foi trabalhada uma iluminação balizadora e harmônica em relação a todo o paisagismo e agenciamento geral da casa.

A iluminação, inclusive, foi o conceito mais explorado como diferencial do projeto para que harmonizasse com a casa e balizasse todo o percurso. Vale ressaltar que uma das preocupações de Bruna foi a criação de um espaço que promove uma ambiência mais confortável para os visitantes, assim como destacar as obras de arte e também o paisagismo, criando uma aconchegante área de circulação e convívio.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito das fotos: Paulo Higor

A Mundial Lux foi a patrocinadora de toda iluminação especial da parte externa da casa: “Usamos refletores, espetos de jardim e balizadores pontuais. Todos na cor 2.700k”, explica a arquiteta, que também destaca como o trabalho em extensão de toda área externa é o seu ponto pessoal de destaque do projeto.

Buna também frisa que a iluminação externa – quesito sempre valorizado em seus projetos – que traz mais vida e beleza ao paisagismo: “Quando se ilumina uma área externa, não se segue tendências, e sim conceitos e a personalidade do projeto. Dessa forma, conseguimos estimular os mais variados sentimentos”, conta a profissional.

Dos ambientes da CASACOR PE 2019, o Projeto Luminotécnico Jardim é dos que mais aproveitam os recursos naturais que o próprio casarão já oferece. Além do espaço inteligente, o ambiente mostra como é possível reaproveitar espaços já existentes para criar novos ambientes, preservando o meio ambiente.

Ressalta-se, ainda, o quanto as obras de Derlon são um chamariz para o espaço, funcionando como um corredor de arte que ajuda a elevar o status da mostra e, principalmente, mostra como o evento contribui para a valorização dos mais variados artistas locais e de outros lugares do Brasil, além de arquitetos e designers, como parte do público pode imaginar.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito das fotos: Paulo Higor

O ambiente também cria uma atmosfera de exploração e visita, típica de museus a céu aberto espalhados pelo mundo. Não à toa, este é um dos espaços mais fáceis de encantar os visitantes em uma primeira olhada.

Casacor Pernambuco 2019

É da arquiteta Gabriela Coutinho o projeto Lavabo da Praça, cujo conceito explorado foi o jogo de contrastes e a busca para entregar ao visitante não apenas um ambiente funcional, mas também uma experiência atípica em um espaço quase sempre pouco valorizado – o banheiro.

Ao longo dos 35m² do ambiente foram utilizados 4 elementos principais: cobogós em concreto na fachada, PVC cinza nas paredes e no forro, marcenaria preta fosca na caixa central e o piso, também na cor preta, com pedras similares ao ladrilho hidráulico.

A paleta de cores destaca o cinza e o preto. Segundo a arquiteta, a escolha das cores predominantes tem a intenção de aumentar o contraste do espaço. O mesmo vale para o uso de texturas nas paredes e no piso, que diferem e destacam a inovação da estética no Lavabo da Praça. O ambiente ficou tão sofisticado e contemporâneo, que é até mesmo bem fácil esquecer-se que se trata de um banheiro.

Entre os objetos feitos por designers brasileiros e agregados ao projeto estão grande parte dos itens da cenografia da bancada principal, assinados por Jaqueline Terpins. Além disso, o Toy Bear da Kartell & Moschino, de Jeremy Scott ganha destaque em meio ao cenário, enquanto a cadeira Torno, de Gustavo Bittencourt, também alcança uma função escultórica no espaço, assim como a infinidade de livros garimpados em sebos e que estão espalhados por todo o ambiente.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito das fotos: Denilson Machado

Entre o mobiliário desenvolvido com exclusividade para o Lavabo da Praça, apenas a bancada das cubas foi criada pela arquiteta, e feita em marcenaria preta. O móvel ressalta a classe de peças com linhas retas e é extremamente funcional graças ao seu tamanho, que valoriza o ambiente ao mesmo tempo em que comporta o necessário.

Quanto à iluminação, Gabriela destaca que ela foi toda pensada para focar nos vasos, cubas e objetos cenográficos, e não exatamente no espaço. No entanto, as fitas de LED dimerizáveis direcionam o visitante para os corredores adjacentes de uma forma leve e despretensiosa, mas que acaba gerando foco para que o visitante observe o ambiente por completo.

As obras de arte realmente são um dos grandes diferenciais do projeto, e dão um ar de “galeria de arte” ao banheiro. Entre as artes que encontram-se no ambiente há quadros icônicos dos artistas Ramon, Zé Rufino e Fernando Augusto, todos fornecidos pela Galeria Amparo 60, de Recife.

Graças à exploração da tendência de jogo de contrastes, o resultado final obtido com o Lavado da Praça propicia um ambiente intimista, rico nos pequenos detalhes e no jogo volumétrico. Apesar de ser um banheiro funcional, o espaço trás consigo uma sensação de aconchego e leveza, que funciona como um diferencial e tanto para esse tipo de ambiente.

É curioso observar também que a proposta cumpre com a ideia de transformar o banheiro – cômodo nem sempre reverenciado em mostras de arquitetura – em um ambiente que pode, inclusive, servir de inspiração para outros espaços, justamente por utilizar de composição simples e elegantes, e que podem ser conferidas aos mais variados projetos.

Saiba mais em Casacor Prnambuco 2019

Casacor Pernambuco 2019

Romero Duarte assina o espaço Estar com Gourmet Adega, ambiente que traz um conceito contemporâneo, sofisticado e atemporal, marcas registradas do escritório Romero Duarte e Arquitetos. O espaço é uma sala de estar com gourmet e adega, que busca apresentar aos clientes uma área aberta, unificada, aconchegante e disruptiva para receber amigos e familiares.

O ambiente traz uma generosa área de living onde ficam as poltronas no modelo Presidencial, de Jorge Zalszupin, as belíssimas esculturas Tramas, e quadro Galo do artistas Joaquim Tenreiro. Outras obras também ganham destaque no projeto, como as esculturas exclusivas e únicas do espaço de jantar, feitas por Emanoel Araújo, em Jacarandá maciço, além da mesa de formas curvas da Casapronta, que traz fluidez para o espaço estimulando interação entre as pessoas e é uma verdadeira obra de arte.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito das fotos: Walter Dias

O mobiliário da área gourmet ajuda a entregar um ambiente integrado, marcado por um grande pórtico, envelopado pelo papel de parede em linho branco da Orlean, onde a bancada de bar, junto com banquetas Pat, de design autoral do arquiteto, se relacionam com móveis feitos em laca preta fosca, aliados ao desenho da palha pintada em preto da Florense e arrematada pela adega, também feita sob medida com MDFs da Arauco pela Adegga, exclusivamente para o ambiente, contornando a mesa de jantar com um espaço para degustar vinhos e drinks.

No piso foi usado o deslumbrante Quartzito Macaúbas, raro na região de Pernambuco. O material foi fornecido pela Marmorart, e une todos os tons bases do ambiente, sendo também um dos partidos para a escolha da paleta de cores.

Outro ponto forte é o painel em madeira Peroba Mica Oscuro da Indusparquet, o elemento agrega sofisticação e aconchego ao espaço. Além dos tons neutros, o azul aparece com força no grande tapete de seda da Adroaldo. A cor foi escolhida por trazer a descontração exigida pelo ambiente, assim como a luminária escultural customizada e utilizada no espaço, que une a rusticidade e sofisticação aqui representados pelo galho e a luminária da Studiolamp.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito das fotos: Walter Dias

O espaço externo une a brutalidade dos vergalhões e da estrutura em aço corten à delicadeza das plantas, através dos seus tons avermelhados com paisagismo da Villagarden, trazendo como elemento de expressão a escultura de Wandenkolk Tinoco. Os móveis da área externa, da Tidelli, seguem o mesmo estilo representados pelos tons pretos e ferrugem.

Todo o espaço é contemplado com tecnologia de automação, executada pela Morhar, sendo possível controlar todas as luminárias, ar condicionados da LG e as belas cortinas da Uniflex, que conseguem com sua transparência e delicadeza deixar permeável a visão para o exterior, o que é sempre um ponto positivo.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito das fotos: Walter Dias

O resultado do espaço Estar com Gourmet e Adega agrada a todos os visitantes que passam pela 22ª edição da CASACOR Pernambuco. Vale ressaltar, ainda, que essa é a 21ª participação do escritório na mostra, sinal de que o trabalho sempre moderno e desafiador da equipe consegue sempre apresentar tendências inovadoras e alimentar a curiosidade do público com projetos sempre criativos e originais.

Casacor Pernambuco 2019

O Copergás Gourmet é o ambiente assinado pelas arquitetas Luciana Neves e Adriana Porto, da PORTONEVES Arquitetura. A dupla elaborou o projeto desde a parte externa que chama a atenção por simular um caminho de fogo já na entrada do espaço.

O ambiente foi desenvolvido para receber 30 pessoas, formando um local funcional que pode receber eventos: “Desenhamos uma ilha central, com design arrojado e industrial com a coifa e luminária que queríamos que fosse escultórica”, explicam as arquitetas.

Como dito, um dos destaques é o caminho de fogo logo na entrada do ambiente. O resultado foi conseguido através do uso de gás natural no trilho, e que culmina em quatro tochas no final do trajeto, levando o visitante a aproveitar essa experiência antes mesmo de entrar no ambiente de fato.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito das fotos: Fred Jordão

Entre os materiais utilizados no espaço Copergás Gourmet, a ilha central tem um destaque imediato. A ideia foi executada com tampo em Dekton com Zenit: “Laqueamos o compensado flexível que faz o fechamento.A ideia é que a ilha do chefe fosse um grande forno, a fim de fazê-la parecer uma peça monolítica, uma pedra, como se o Cooktop instalado nela fosse o fogo que brota da pedra” contam as profissionais .

A parede principal também é um dos grandes destaques do ambiente, e reúne diferentes tonalidades de azul reveladas por pergolado vertical que se estende por todo o teto, diferente do restante da paleta de cores que preza pelas cores neutras em um jogo de claro e escuro no mobiliário.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito das fotos: Fred Jordão

A estética da criação da parede, por sinal, coloca arte e design lado a lado, especialmente por conta da sofisticação do mobiliário contemporâneo. Nesse caso, os móveis têm o mesmo destaque das pessoas da decoração, e vice-versa, a fim e criar uma atmosfera única e extremamente moderna.

Com uma iluminação sutil em todo o ambiente, a luminária que fica ao redor da coifa ganha valor. A peça também foi desenhada pelas próprias arquitetas, desenvolvida toda em perfis de LED.  O projeto recebeu a orientação de Beatriz Esteves, que é a light design e também deu dicas gerais para a composição da iluminação do ambiente como um todo.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito das fotos: Fred Jordão

O mobiliário também foi desenhado por completo pelas arquitetas Luciana e Adriana. A vitrine em L, totalmente feita em vidro e destaque à primeira vista, abre espaço para que o caminho de fogo entre no espaço. A vitrine favorece, ainda, os elementos da natureza que foram integrados ao ambiente de forma inteligente, especialmente a grande árvore que acabou compondo o espaço, mostrando que é possível promover a preservação da natureza mesmo criando lugares inovadores.

Os elementos em madeira do mobiliário e da decoração também fazem a função de conectar o trabalho das arquitetas ao mundo natural e sustentável.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito das fotos: Fred Jordão

Todo o espaço apresenta a ideia de conforto para os visitantes, principalmente por conta dos móveis bem amplos, como os balcões, mesas e estofados. A mesma sensação também é repassada pelas linhas retas e alongadas integradas ao teto e às paredes.

Saiba mais em Casacor Pernambuco 2019

Casacor Pernambuco 2019

A Loja de Artesanato é o espaço assinado pela arquiteta Ana Maria Pedroza, que priorizou a criação de um ambiente que funciona como base para destacar o artesanato pernambucano: “A arquitetura é apenas o suporte, como uma coadjuvante de toda a cena”, explica a profissional.

Com 85m², o espaço foi desenvolvido em parceria com o Centro de Artesanato de Pernambuco e o Sebrae Pernambuco, e traz uma curadoria que passa por todas as regiões do estado, apresentando um apanhado especial de peças para os visitantes da CASACOR Pernambuco 2019.

A paleta de cores da Loja de Artesanato destaca o verde e o amadeirado, tons alegres, mas discretos e que não concorrem com os tons das peças de artesanato. As paredes internas receberam o acabamento Velvet, lançamento da Coral, nas cores Trevo Pálido e Folha de Mate.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito de fotos: Débora Oliveira/ AD Diper

A fachada traz pintura em acabamento matte da linha Decora, nas cores Madeira Acinzentada e Trevo Pálido, também da Coral. O piso é um porcelanato cinza, chamado Pietra de Bergamo, da Cerâmica Elizabeth e remete ao granilite, enquanto o forro e parte do trecho da parede foi executado pela Só Forros, com material da Ara Forros, réguas de PVC com acabamento madeirado na cor Taupe.

Toda iluminação é em LED e foi especialmente pensada para atribuir uma atmosfera de sustentabilidade e eficiência energética. O projeto leva assinatura de Edith Araújo, da Da Luz Iluminação, além de luminárias artesanais desenhadas pela arquiteta em parceria com o artesão Mestre Abias.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito de fotos: Débora Oliveira/ AD Diper

Para o mobiliário, a estante foi um desenho da arquiteta e executado pela metalúrgica Knai com prateleiras executadas pela Acord Móveis Planejados. O restante dos móveis também ressaltam nomes nacionais, como a poltrona Benjamim, de Sérgio Rodrigues, que acompanha as mesinhas laterais colibri, de Paulo Alves, e o banquinho Jacaré, da Marcenaria Olinda – que também assina a mesa giganta, as cadeiras Pina, e a mesa de centro em madeira maciça.

Essa é a segunda vez que a CASACOR Pernambuco recebe um espaço conjunto da AD Diper e do Sebrae/PE, totalmente dedicado ao artesanato do estado, em uma parceria que valoriza a inserção de peças artesanais na decoração. A seleção conta com nomes como J. Borges, Mano de Baé, Nicola, Neguinha, Cida entre outros.

Vale ressaltar que a Loja do Artesanato funciona junto à mostra, e oferece ainda um bate-papo, todas as quintas-feiras, até o dia 03 de novembro. As chamadas Quintas do Artesanato oferecem palestras, e aos sábados o espaço promove uma ação chamada “Demonstrações”, que contará com oficinas de artesanato com os artista expositores da loja.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito de fotos: Débora Oliveira/ AD Diper

Confira a programação das quintas e sábados da Loja de Artesanato:

Quintas do Artesanato

  • 19/09 às 19h – Raul Córdula  e J. Borges
  • 26/09 às 19h – Ana Maria Pedroza e Luiz Benício
  • 03/10 às 20h – Mestre Nado e Juliano Holanda
  • 10/10 às 19h – Ana Andrade e Mestre Nena
  • 17/10 às 19h – Ana Veloso, Mestra Cida e Mestra Neguinha
  • 24/10 às 19h – Roberta Borsoi e Nicola
  • 31/10 às 19h – Bete Paes / Fernando Ancil

Sábados com artesãos convidados

  • 28/09 às 16h – Marcos de Sertânia
  • 05/10 às 16h – Gegê Pedrosa
  • 12/10 às 16h – Leidiane de Tracunhaém
  • 19/10 às 16h – Mestre Abias
  • 26/10 às 16h – Mestre Lourenço
Casacor Pernambuco 2019

O projeto de 33m² do arquiteto Diogo Viana leva o nome de Office Bar CASACOR e traz uma atmosfera calcada na paleta Blush e nos tons corais, que fazem o bar se tornar um ponto de encontro para tratar de negócios, ou simplesmente relaxar.

O espaço conta com um apoio de bar, onde a cerveja é a atração principal, além de um layout moderno e arrojado com mobiliário corporativo, modulares e flexíveis. O uso da pedra Elegant Brown leva o material com exclusividade para Recife, especialmente como parte do projeto.

A iluminação cênica do ambiente, juntamente com os perfis de iluminação do piso ao teto, ajudam a dar um charme ainda maior ao espaço, mas também tem a função de destacar a parede em alto relevo com peças cimentícias hexagonais, elemento visual que mais chama a atenção no ambiente e que forma a grande identidade do Office Bar.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Créditos da foto: Paulo Higor

As estantes também aparecem como incremento especial do bar. Elas foram desenhadas pelo próprio arquiteto e feitas com vergalhões de aço. Uma das grandes atrações do Office Bar CASACOR são os cobogós Mão, com assinatura dos premiados designers Irmãos Campana, através de uma parceria com a Divina Terra, em Turmalina, Minas Gerais.

O item tem uma motivação especial para estar no empreendimento: o cobogó é um simbólico manifesto às tragédias sofridas em diferentes cidades de Minas Gerais, e parte do valor das vendas deste produto será revertida em atividades sociais realizadas pelo Instituto Campana.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Créditos da foto: Paulo Higor

Para o projeto do bar, os cobogós entram como apoio de centro para o lounge bar. As obras de arte, um trabalho do artista José Patrício com a fotografia digital Vanitas Venezia, de 2008; uma tela do artista plástico Pragana (2019), concebida especialmente para este projeto e que segue a paleta de cores do espaço, além de peças de barro garimpadas pelo arquiteto na cidade de Tracunhaém e finalizadas nas cores também do projeto.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Créditos da foto: Paulo Higor

O sound design para o Office Bar CASACOR foi desenvolvido por Kleox Barbosa, e apresenta uma trilha de Funk Soul do início dos anos 1980. Além do setlist especial para o espaço, o ambiente ganhou também um aroma inconfundível desenvolvido pela perfumista Thais Nakano, com sua Neroly Aromas.

Uma das características principais do projeto de arquitetura é o desenho do teto. Diogo Viana lembra que, atualmente, os tetos ganham destaques dentro de projetos diferenciados, por isso ele procurou uma forma de trazer essa tendência também para dentro do seu trabalho: “No nosso projeto, o teto zig-zag tira a monotonia, trazendo movimento”, explica.

A paleta Coral, que está presente por completo no ambiente, ajuda os visitantes a sentirem uma maior sensação de calma e relaxamento. Ao mesmo tempo, porém, por serem tons vibrantes, as cores também agitam o espaço com uma sofisticação moderna, característica muito bem-vinda em um ambiente pensado para a convivência entre os visitantes. O resultado do Office Bar CASACOR é agregador e tranquilizante, e traz inspirações que podem ser utilizadas em outros ambientes, especialmente em projetos que propõem um espaço para integração e entretenimento.

Saiba mais em Casacor Pernambuco 2019

Casacor Pernambuco 2019

É do arquiteto André Carício a ideia do Espaço Zen Deca, cujo conceito do projeto foi inspirado na arquitetura Wabi Sabi, que significa a beleza do imperfeito, das coisas inacabadas. O estilo tem origem no Zen Budismo, um conceito contrário do que geralmente é buscado: “Nos inspiramos também na Oficina Brennand, já que fizemos uma homenagem ao mestre Francisco Brennand”, explica o arquiteto.

O espaço de 120m² utiliza linhas limpas e geométricas, ladeadas pela neutralidade dos tons claros. Toda a ambientação foi realizada com materiais naturais, como a pedra, a madeira e a cerâmica, tudo isso em sintonia com a água, que agrega uma atmosfera zen para o espaço.

O Espaço Zen Deca seguiu uma paleta de cores claras, predominantemente o branco, trazendo leveza e aconchego através das texturas e do projeto de iluminação. Neste quesito, por sinal, a iluminação foi toda pensada para valorizar as peças de design que compõem o ambiente, além de trazer a sensação de conforto e acolhimento para os visitantes que passam pela mostra.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito de fotos: Rogério Maranhão

Na parede atrás do sofá, vemos algumas garrafas, da designer Nara Ota, sobre cubos vazados fazendo um movimento irregular e imperfeito, para provocar um questionamento.

O arquiteto ainda explica outras peças icônicas do ambiente: “Temos também uma fotografia branca de Fernanda Naman, como uma janela que se abre para o nada, esculturas brancas de Brennand sobre duas pedras de cristal de rocha brancas brutas. Na fachada principal, sobre o espelho d’água, mais uma escultura de Brennand que mais parece um ‘peixe’ saindo da água. Sobre as prateleiras que ficam na parede, um serviço completo de jantar em cerâmica de Brennand, que foi lançamento exclusivo para o nosso espaço, seguindo o conceito do projeto”.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito de fotos: Rogério Maranhão

As peças iluminadas dão um valor extra às tramas em fibra natural, além de destacar também o trabalho dos artesãos e as características do imperfeito da filosofia japonesa. Envolvido por um espelho d’água, o espaço também dispõe de tecnologia de automação como contraponto, mostrando que mesmo os espaços minimalistas podem adotar a tecnologia ao seu favor.

Certos móveis foram desenvolvidos especialmente para o Espaço Zen Deca, como alguns mobiliários em madeira bruta, tanto no conceito como nas cores do espaço. O conceito é extremamente provocante e questionador, justamente por se inspirar na obra do mestre Francisco Brennand, que sempre aplicou tais particularidades em seus trabalhos.

O branco total também traz de volta o conceito de uma cor que, por algum tempo, ficou um pouco esquecida e que nesse espaço, veio com força total. O ambiente também atinge o tema da CASACOR Pernambuco 2019 – “Planeta Terra”, por trazer de volta às origens, como as coisas simples, o aconchego da casa e o acolhimento que as peças trazem para o ambiente como um todo, além da questão da afetividade.

Casacor Pernambuco 2019
Casacor Pernambuco 2019 – Crédito de fotos: Rogério Maranhão

A tendência seguida também se integra com a  temática da mostra, e colabora para o propósito de projeto. Essa junção de conceitos foi fundamental para atingir o resultado equilibrado e extremamente convidativo ao relaxamento, como consegue o Espaço Zen Deca.