O artesanato presente em todos os lugares

Artesão Nena Foto Danyelle Marques Produção O Imaginário Ambiente Restaurante Nez Bistrô 897x494 - O artesanato presente em todos os lugares

A força do artesanato local se renova e se dissemina através de suas renovadas peças em restaurantes e ambientes decorados. É quando o novo se mistura com o antigo e leva até o público a identidade e a força local dos artesãos, que através de suas artes, contam também a história da cultura resistente de Pernambuco.

Foto: Ademar FIlho
A arte feita no Centro de Artesanato, no Cabo de Santo Agostinho vem ganhando cada vez mais espaço (Foto: Ademar Filho).

Cada vez mais é possível encontrar esse artesanato nos restaurantes. Mas hoje, eles não ficam mais responsáveis apenas por decorar esses locais. O artesanato é encontrado nas mesas. São utilitários exclusivos e cheios de particularidades. Desenvolvidos e pensados de forma única para atender a demanda e característica de cada empreendimento. É o caso dos restaurantes Cá Já e Nez Bistrô e do Tokyo’s Café, que fazem uso dessas peças exclusivas criadas pelos artesãos do Centro de Artesanato do Cabo.

Na arquitetura, é louvável o pensamento de arquitetos que levam essa arte para dentro das casas dos seus clientes. Um trabalho de formiguinha, que começou lá trás com Janete Costa, a pioneira em disseminar a ideia de que não existe diferença de status entre o que é tratado como arte erudita e artesanato. Todos possuem seu valor e beleza. Beleza essa que era o principal conceito que Janete pregava, o que era bonito aos olhos e que encantava. O arquiteto Carlos Augusto Lira  que trabalhou diretamente com Janete, é hoje um dos principais defensores da inclusão do artesanato em projetos de arquitetura.

Foto: Ademar Filho
O artesanato se faz presente na arquitetura e na decoração (Foto: Ademar Filho).

” Eu gosto muito do trabalho deles. Irei levar muitas de suas peças para o meu espaço na CasaCor deste ano. Este trabalho com os artesão é um processo de intervenção da arquitetura no artesanato, para valorizar e divulgar ainda mais essa arte. As pessoas tinham preconceito em utilizar o artesanato. Diziam que iriam colocar na casa de praia ou de campo, mas nunca na casa principal. Depois essas mesmas pessoas foram entendendo sobre a necessidade de se divulgar o artesanato e essa identidade local que vem junto com as peças.  Além disso, você incentiva esses artesãos a crescerem. Ganha o arquiteto que passa a ter mais opções e ganha o artesão que vendeu e foi incentivado. É a valorização do artesanato! Eu ficava triste porque os arquitetos não tinha esse olhar, são poucos os que utilizam. Ao fazer uso dessa arte nos projetos, ficamos enriquecidos culturalmente”, relata Carlos Augusto Lira.

Outro time de profissionais que não abre mão de inserir em seus projetos o artesanato é a dupla de arquitetas Adriana Porto e Luciana Neves. “Sempre que possível utilizamos o artesanato nos nossos projetos. A gente entende que o artesanato é uma obra de arte reconhecida como qualquer outra. Com o uso do artesanato, o ambiente fica aquecido, através das suas matérias-primas mais rudimentares e originais, além de trazer uma identidade ao local”, explica Adriana.

Foto: Lucas Oliveira
As peças do Centro de Artesanato sempre presentes na CasaCor PE. Em 2016, no Espaço Sebrae, desenvolvido por Adriana Porto e Luciana Neves ( Foto: Lucas Oliveira).

“Hoje na decoração e nos ambientes mais sofisticados, o artesanato já é mais inserido, principalmente por ser uma arte feita a mão e por carregar a raiz e a cultura daquele local. Valorizamos muito isso! Pernambuco tem uma particularidade, possui uma riqueza e variedade de artesanato muito grande. São artes que tem valor igual a todos os outros tipos”, defende Adriana.

 

Serviço:

Centro de Artesanato Arquiteto Wilson Campos

www.ceramicadocabo.com.br

Contato:

(81) 3521.2744
(81) 98115.1400
(81) 3521.2774
(81) 98526.4873 – Nena

Endereço:
Rodovia PE 60 km 5 . COHAB
Cabo de Santo Agostinho . PE

Join the discussion

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *