Espaço Zen de Luiz Maingué
Espaço Zen, de Luiz Maingué (Foto: Eros Munari)

Arquitetura sustentável em evidência na Mostra Container

A primeira edição da Mostra Container, que acontece em Curitiba, abre as portas em agosto para mostrar o resultado de um trabalho que vem sendo desenvolvido desde 2015, buscando uma arquitetura sustentável. Mais de trinta profissionais da arquitetura e design abraçaram a causa: projetar uma casa dentro das noções de sustentabilidade e consciência ambiental. Os 23 ambientes que compõem a casa se distribuem em 375 m² e dois setores: área de viver e estar no térreo e área de criar no primeiro andar.

Espaço Zen Luiz Maingué Foto Eros Munari 1 - Arquitetura sustentável em evidência na Mostra Container
Espaço Zen, de Luiz Maingué (Foto: Eros Munari)

Tatiana Hultmann Stavitzki, idealizadora do projeto e coordenadora geral da Mostra Container, explica que o objetivo é mostrar que é possível buscar alternativas mais viáveis, do ponto de vista da arquitetura sustentável. Além disso, a casa também tem sido uma grande escola.

Suíte dos Meninos Vuajantes Rafael Wagner e Debora Pootz Foto Tatiana Hultmann 3 - Arquitetura sustentável em evidência na Mostra Container
Suíte dos Meninos Viajantes, de Rafael Wagner e Debora Pootz (Foto: Tatiana Hultmann)

A casa que abriga a Mostra Container é a primeira de Curitiba a receber o selo sustentável GBC Brasil (Green Build Council), uma certificação de sustentabilidade reconhecida internacionalmente. Além disso, é a primeira Casa de container e steel frame do Brasil a receber esse tipo de certificação. A GBC considera critérios de inovação, liderança, responsabilidade social e gestão ambiental.

Cozinha Claudia Novak e Daniela Cerbatto Foto Leticia Akemi - Arquitetura sustentável em evidência na Mostra Container
Cozinha, de Claudia Novak e Daniela Cerbatto (Foto: Leticia Akemi)

 

Recursos

Além de ser construída predominantemente em container, a casa também adota o método construtivo steel frame, que se caracteriza por gerar menos resíduos do que as construções tradicionais, seguindo a arquitetura sustentável. “De acordo com documento oficial da visão 2050 do Brasil, o setor da construção civil é um dos maiores consumidores de energia e recursos naturais. Sua cadeia produtiva é responsável por 75% da extração desses recursos, entre água, madeira e minerais, gerando cerca de 50% dos resíduos sólidos urbanos e o desperdício dos materiais pode chegar a 40%; por isso é preciso repensar a forma de projetar e construir e adotar métodos alternativos e funcionais”, explica Tatiana. Mais de 20%da energia elétrica utilizada é produzida na própria casa, por meio de painéis fotovoltaicos.

Copa e Churrasqueira Givago Ferentz Foto Tatiana Hultmann 6 - Arquitetura sustentável em evidência na Mostra Container
Copa e Churrasqueira, de Givago Ferentz (Foto: Tatiana Hultmann)

Além disso, outras medidas foram adotadas, como o aproveitamento da luz natural com a instalação de grandes janelas, eletrodomésticos e lâmpadas mais eficientes, conjunto que proporciona uma economia de mais de 30%. Há também um sistema de aproveitamento de água da chuva, que é captada pelo telhado, tratada e abastece duas bacias sanitárias, sendo uma delas convertida para a limpeza geral da casa.

 

Mostra Container

Visitas agendadas. Período: 15/08 a 21/09. Horários: seg-sex: 13h30 /15h30 / 17h30 / 19h30 / | sáb: 11h30 | Estr. Ângelo Pianaro, 1631 -Butiatuvinha, Curitiba -PR

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Leia Mais
revistaSIM Arquitetura CasaCor 2020 Lenira Melo Quarto de Estudos Online Destaque Credito PH Nunes 1 390x390 - Arquitetura sustentável em evidência na Mostra Container
Confira o Quarto de Estudos Online, de Lenira Melo e seus estudantes