O que é Cobogó: tradição e sofisticação no décor

O que é Cobogó

Ele nasceu no Recife, com o objetivo de aproveitar bem os espaços e dividir ambientes. Os charmosos blocos vazados foram inspirados em elementos da arquitetura árabe, o muxarabi, que são treliças de madeira instalada nas sacadas e janelas das casas. O clima intenso da capital pernambucana foi o ponto de partida para Amadeu Oliveira Coimbra, o alemão Ernst August Boeckmann e o pernambucano Antônio de Góes. Eles projetaram um elemento que pudesse aproveitar a natureza para trazer frescor e luz para dentro de casa. Assim, em 1929, os três patentearam o cobogó que leva a inicial do sobrenome de cada um.

Só podemos encontrar Cobogó de concreto?

No projeto inicial eles foram produzidos em concreto, amenizando as condições climáticas, criando paredes sem vedar a entrada de ar nos ambientes. Rapidamente a peça se popularizou. Nos anos de 1940 e 1950, começou a ocupar a área interna das casas, servindo como divisória e aparador. Hoje é marcante na arquitetura modernista. As técnicas foram sendo aprimoradas e atualmente o conceito de “O que é o cobogó”, modificou e pode ser encontrado em diversos materiais, como o mármore, vidro, cerâmica ou madeira. Também se tornou sinônimo de design e sofisticação. Os produtos são fabricados em um sistema que mistura uma produção industrializada com o cuidado manual.

Fachada de uma casa com vidro e cobogó
Funcional, o cobogó imprime charme ao projeto – Foto: Divulgação

Veja o que é o Cobogó nos dias atuais

Os elementos vazados, além de separarem ambientes de maneira elegante, também oferecem outras vantagens como fácil aplicação e manutenção; sensação de profundidade; incríveis efeitos visuais ao mesclar a iluminação natural e artificial dos espaços; design moderno com base nas novas tecnologias, sem perder a memória afetiva, característica essencial das peças. Veja aqui alguns modelos para inserir o cobogó no seu projeto.

O que é cobogó: Sala com o uso de cobogó cinza
Ambiente mais iluminado e ventilado com uso de cobogó – Foto: Divulgação

Angolo: Produto com estilo contemporâneo, características industriais e minimalistas. Seu acabamento de concreto, em ambos os lados, forma uma composição elegante. Os elementos vazados iluminam o ambiente e ainda permitem múltiplas paginações. Disponível na cor concreto, é recomendado para áreas internas e externas – cobertas ou descobertas. Medidas: (40cm x 40cm).

O que é cobogó: Cobogó divide a sala do quarto
Cobogó imprime mais personalidade ao espaço – Foto: Divulgação

Quadri: Possui design industrial e aposta em seus elementos vazados retangulares para expressar contemporaneidade. Com acabamento rústico, funciona como um ousado divisor de ambientes que valoriza o espaço. Disponível na cor concreto, combina perfeitamente com o décor de áreas internas e externas – cobertas ou descobertas. Medidas: (40cm x 40cm).

Cobogós dividem a sala da ala externa da casa
O respiro mais que necessário e o contato com a natureza – Foto: Divulgação

Finestre:Cobogó cimentício com linhas retas e um design volumétrico imponente. É usado para dividir ambientes, porém, sem esconder o lado contrário. Fabricado em textura lisa, e com acabamento nos dois lados, é possível pintá-lo para que possa se adequar aos projetos arquitetônicos mais ousados, tanto em áreas internas quanto em áreas externas. Medidas: (50cm x 50cm)

Agora que você já tem as dicas, é só usar a criatividade e tirar proveito dessa peça incrível, que pode certamente fazer a diferença no seu projeto. Seja para casa ou escritório, o cobogó é uma peça versátil e moderna, que alia elegância e praticidade para áreas internas e externas.

Gostou do nosso conteúdo? Quer sugerir alguma pauta? Deixa o teu comentário!

Join the discussion

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *